segunda-feira, 13 de maio de 2013

Pão de Forma Tradicional Sem Glúten Sem Lactose


Olá, Queridos!

Conforme falei no post anterior, aqui está uma das receitas que aprendi no curso de Gastronomia aplicada à Nutrição Funcional na VP Consultoria com o chef Marcelo Facini.
Eu não segui a receita a risca, fiz uma pequena alteração na proporção das farinhas por falta de ingredientes, mas o resultado ficou uma delícia!
Vejam como ficou o pão do Chef no dia do curso:


Até que não ficou muito diferente do meu, não é mesmo? Estava frio no dia que preparei o pão e foi um custo fazer com que a massa crescesse, mas acabou dando tudo certo! :) E ainda me empolguei, fiz duas receitas, o que resultou em um pão, 12 mufins e uma tortinha de atum!
Coloco abaixo a minha versão da receita:


Pão de Forma Tradicional Sem Glúten Sem Lactose
Fonte: Ligeiramente adaptado da receita do Chef Marcelo Facini.

4 ovos
1 1/2 xíc. (chá) de leite de coco diluído (sendo 1/2 xíc. de leite de coco + 1 xíc. de água)
4 c. (sopa) de azeite de oliva
1 1/2 xíc. (chá) de farinha de arroz
1/2 xíc. (chá) de polvilho doce
1/2 xíc. (chá) de fubá
1 c. (sopa) de açúcar demerara
1 c. (chá) de sal marinho (ou à gosto)
1 c. (sopa) de fermento biológico seco para pães

1. Bata todos os ingredientes (menos o fermento) no liquidificador. Coloque o fermento e bata mais uma vez apenas para misturar.
2. Despeje a massa em uma forma para pães (ou para bolo inglês - que foi a que usei) untada com azeite e farinha de arroz. Deixe crescer em local abafado até dobrar de tamanho.
3. Coloque para assar em forno médio pré-aquecido (180 graus) por aproximadamente 30 minutos ou até que o pão esteja totalmente assado.


Na segunda receita, coloquei fermento para bolos ao invés de fermento para pães, distribuí a massa em uma forma para muffins e coloquei para assar direto, não esperei crescer. Em alguns deles, coloquei azeitonas, os outros ficaram puros. Fiz dessa forma para congelar. Ficou bem gostoso, um bolinho neutro fácil para ser usado nos momentos de apuros, e é claro, para ser consumido com algum acompanhamento, porque bolinho puro ninguém merece, né? O uso do fermento faz com que a textura fique diferente, fica parecendo um bolinho mesmo, bem macio. Eu gostei dos dois jeitos. 

E congelei metade do pão também, a outra metade foi consumida quase toda no mesmo dia, ficou apenas um pedaço para o dia seguinte e eu achei que já ficou bem seco e esfarelento, então caso você não for consumir tudo em um período de tempo curto, corte em fatias, congele e depois esquente as fatias no forno.

A massa utilizada para fazer os muffins sobrou, coloquei em um refratário pequeno de porcelana, improvisei um recheio de atum e joguei em cima da massa. Virou uma tortinha de atum deliciosa


Praticamente uma receita 3 em 1!

Beijos!

45 comentários:

  1. Ótimas receitas, anotei, bjs.

    ResponderExcluir
  2. conheço tanta gente com esse problema vou indicar seu blog.

    ResponderExcluir
  3. Obrigada por partilhar as receitas. Vou fazer o pão, mas vou colocar leite sem lactose, porque tenho intolerância ao gluten mas esse leite posso usar. Vou adicionar aos meus favoritos, gostei muito das receitas.

    ResponderExcluir
  4. Usei a receita e o pão ficou excelente!
    Meu filho é celíaco e eu sempre comprava os pães em lojas de produtos naturais. Há pouco tempo, comprei uma MFP, mas não estava conseguindo fazer um pão gostoso, mas agora consegui fazer um pão bonito e saboroso!
    Obrigado por compartilhar a receita e pelas dicas!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que maravilha, Marcelo! Fico feliz! Obrigada pelo retorno. Abraços!

      Excluir
  5. Obrigado por compartilhar a receita. Eu acabei de fazer e ficou ótimo!!! Rendeu um pão de forma de - aproximadamente - 700 gramas e um pão com passas, de 250 gramas, Valeu!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Uau! e ainda fez 2 pães? E com passas? Ai que delícia! Que filho sortudo, hein! rs Ele deve ter adorado! :) Abraços

      Excluir
  6. Olá, não precisa usar nenhum liquido quente para dissolver o fermento?

    ResponderExcluir
  7. Amei seu blog, pois tem tudo que sempre procuro........tenho artrite reumatóide no punho e a nutróloga me tirou tudo que tiver gluten e leites animais...........adorei essas receceitas pq é muito dificil encontrar essas coisas prontas e qdo achamos é muito caro...beijos.....e muito obrigada

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Sandra!
      Que ótimo que você gostou das receitas! Espero que o blog te ajude bastante!
      Grande beijo!

      Excluir
  8. Monalisa, estou com uma dúvida: meu filho é alérgico a leite e todos os utensílios dele são separados. Quem tem problemas com gluten também precisa separar os utensílios? Minha mãe está com problemas com gluten e não sei se posso fazer aqui em casa com os mesmos utesilios, tipo liquidificador, talheres, etc
    Um abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Raquel!
      Se ela tiver doença celíaca os cuidados devem ser o mesmo da alergia: separar os utensílios para evitar a contaminação cruzada, não consumir traços, verificar no rótulo dos alimentos se contém ou não glúten.
      Beijos

      Excluir
  9. Olá!
    Acabei de tirar o meu do forno. Substitui o polvilho doce por farinha de tapioca. Ficou bem gostoso e crocante por fora! Adorei! Só não cresceu como eu gostaria, mas está valendo! Obrigada!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que ótimo, Carol! Gostei da ideia de usar farinha de tapioca! Beijão :)

      Excluir
  10. Olá, gostei muito do site, mas fiquei com duvida quanto ao ´pao de forma tradicional ele fica duro ou fica macio mesmo sem espessante?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Josiane!
      Fica com a textura macia e típica dos pães sem glúten.
      Beijos

      Excluir
  11. Olá! Só vim avisar que eu fiz e DEU CERTOOO! Não estou acreditando! Essa receita me salvou, finalmente tenho pão pra comer! Descobri recentemente que tenho Retocolite Ulcerativa, e tem sido uma luta desde então, com a cozinha... O que mais sinto falta é de pão, e parece que esse problema foi resolvido! Acabei de tirar do forno, só tinha uma forma para pão, então o resto da massa despejei em forminhas de muffin mesmo. Foram esses que acabei de experimentar, e ficaram ótimos! Muito obrigada por compartilhar a receita! :D

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, querida Natalie! Que maravilha, fico muito feliz de saber disso! Muito obrigada pelo retorno! Beijão

      Excluir
  12. Olá, já fiz vários pães e nenhum deles deu certo. Estou com "medo" de testar mais uma!!! A consistência fica líquida? Ou mais pastosa? O pão tem que assar na parte de cima ou de baixo no forno? Obrigada!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Halina!
      Não se preocupe com a consistência, você vai bater no liquidificador exatamente a quantidade de ingredientes que a receita pede e será isso mesmo. Não precisa acrescentar mais nada, vai ficar líquida.
      O pão e qualquer outra coisa que eu asso sempre utilizo a parte de cima no forno. Só tire o pão do forno depois que ele estiver dourado.
      Faça sim e depois venha me contar! Vai dar certo! :)
      Beijão

      Excluir
  13. Olá, meu filho tb não pode comer milho. Nesse caso eu posso trocar o fubá por outra farinha? Obrigada.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Beatriz! Pode trocar por farinha de amêndoas ou farinha de grão de bico. Beijos

      Excluir
  14. Olá como posso substiuir o açúcar?

    ResponderExcluir
  15. Ola! Posso substituir o fubá por farinha de chia ou farinha de linhaça dourada? ( são as farinhas que tenho em casa)! Obrigada!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Fernanda! Provavelmente a textura vai mudar um pouco, será necessário fazer o teste para saber realmente como vai ficar. Depois me conta o resultado! Beijo grande!

      Excluir
  16. Querida Monalisa, testei a tua receita de pão sem gluten com arroz cru e adorei!!! Fiz para minha mãe que tem intolerância e eu acabei virando fã, rsrsrs... é molhadinho e muito saboroso!!! Passo aqui para te agradecer por compartilhar tuas dicas e receitas conosco. Gostaria de tentar essa aqui também, mas queria te perguntar 2 coisas antes: 1) Posso substituir o leite de coco por iogurte? Se sim, qual a medida e tenho que diluir também? 2) Posso tirar o fubá e redistribuir essa quantidade nas outras farinhas? Um bjo grande, Luiza.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Luiza! Oba! Que bom que gostou do pão de arroz cru! :)
      Quanto a sua dúvida, eu ainda não fiz utilizando o iogurte. Sei que fica bom com qualquer leite vegetal ou até mesmo água, mas caso queira fazer um teste eu colocaria metade da medida de iogurte e metade de água, acredito que só com o iogurte vai ficar uma massa muito grossa. Você pode redistribuir o fubá sim ou senão utilizar farinha de amêndoas no lugar, já fiz e fica muito gostoso!
      Grande beijo!

      Excluir
  17. Olá, você saberia dizer se é possível substituir os ovos da receita do pão? Eu sou vegana, não como nada de origem animal. abs,

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Patricia! Nessa receita infelizmente não sei se daria certo. Recomendo uma receita de baguete vegan: http://dietasgsc.blogspot.com.br/2011/11/baguete-sem-gluten-leite-e-ovos.html
      Beijos

      Excluir
  18. So fiquei em duvida se o fermento biologico n precisaria de algo quente(como o leite) para fermentar.. Obrigada ;)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Vanessa!
      Nesse pão eu não costumo colocar. Caso queira, pode utilizar o leite vegetal ou a água na temperatura morna. Beijos

      Excluir
    2. Obrigada! vou experimentar! Depois volto aqui para falar como ficou! :-)

      Excluir
  19. Oi Monalisa!
    Dá diferença entre usar o fermento químico e o biológico?

    Obrigada!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Débora! Sim, o pão grande foi feito com o biológico e o bolinho com o químico. O bolinho ficou mais leve e fofo, com cara de bolo salgado. O pão ficou com textura de pão sem glúten. Beijos

      Excluir
  20. Primeira vez que eu fiz pão na minha vida e deu super certo! Não quero nem tentar outra receita! Ficou super fofo, coloquei CMC.

    ResponderExcluir
  21. Ficou muito bom.Somente o meio abaixou um pouco na hora de assar,mas ficou muito saboroso.Troquei o açucar demerara por mascavo.Vc sabe calcular as calorias?abs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, anônimo! Que bom que gostou!
      Sei calcular, mas não faço o cálculo das receitas que publico no blog.
      Beijos

      Excluir
  22. Oi querida! Obrigada pela receita! Fiz hoje, (adicionei 1 col de chá de goma xantana e dissolvi o fermento no leite morno) e ficou maravilhoso! Cresceu bem e ficou bem fofinho! Um beijo!
    Patricia Feijó

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Patricia! Tudo bem? Que ótimo, fico feliz! Obrigada pelo retorno! :) Beijão

      Excluir